O Golden Milk foi descoberto na Índia e é uma mistura de superalimentos, com o poder de prevenir, transformar e recuperar o organismo, propiciando uma qualidade de vida mais adequada.
Sendo um dos alimentos mais controversos do mundo, o leite está sempre em voga nas discussões sobre fazer bem ou mal à saúde. Nos últimos anos, o crescimento do uso de leites vegetais está se popularizando principalmente no meio fitness, já que, além de saudáveis, são bebidas nutritivas que alimentam e desincham o organismo.
O Golden Milk é uma bebida usada há séculos na medicina ayurvédica e apresenta várias vantagens para o organismo, por ser é rico em bioativos que aceleram o metabolismo. Além disso, tem propriedades antimicrobianas, que fortalecem o sistema imunológico.
Também é um energético natural que ajuda a emagrecer com saúde e pode ser usado como base para várias receitas, entre elas smoothies, bolos e chás. De coloração amarela intensa, o Golden Milk é uma das riquezas da alimentação ayurvédica. Seu principal ingrediente é a Cúrcuma, especiaria indiana que tem alto poder anti-inflamatório e antioxidante. Este pigmento reduz as reservas de gordura no corpo, acelera o metabolismo e ajuda no processo de digestão de proteínas. Tudo isso faz com que seja um aliado de quem deseja perder peso. A Cúrcuma ainda melhora a pele, protege o fígado e fortalece o sistema imunológico.
O Golden Milk também é rico em fibras, que auxiliam o funcionamento do intestino e combatem a prisão de ventre, possuindo baixo índice glicêmico. Além dos benefícios citados, o Golden Milk tem ação de combate ao edema corporal (retenção e acúmulo de líquido no corpo que resultam em inchaço) e ainda contribui para dar mais disposição e vitalidade para o dia a dia. É uma bebida amarelada devido à presença de Cúrcuma Contém também: Leite de Coco, Leite de Amêndoas, Cardamomo, Gengibre, Pimenta preta e Canela.
Trata-se de uma bebida deliciosa, que pode ser utilizada na prevenção e no controle de diversas doenças.

Propriedades dos componentes do Golden Milk

• Cúrcuma – é uma planta da mesma família do gengibre, cuja coloração interna alaranjada intensa é facilmente identificada. Seu sabor também é bem típico, uma vez que é picante e amarga, ao mesmo tempo. Suas propriedades nutricionais fazem com que, há milhares de anos, seja usada como erva medicinal, no tratamento e prevenção de diversas enfermidades. Além disso, a cúrcuma também e dá origem a temperos como o curry, popular na culinária indiana, e ao molho de mostarda. O extrato que é preparado a partir da raiz pode ser utilizado também para o tingimento de fibras têxteis e corantes em receitas.

• Cardamomo: Conhecido no Brasil pelo apelido de “novo gengibre”, o ingrediente é um tempero indiano de cor esverdeada, sabor levemente ardido e sementes com aroma. Por ser considerado uma das especiarias mais caras do mundo, acaba não sendo tão popular por no Brasil, o que faz com que muita gente não tenha ideia de todos os benefícios que pode trazer à saúde, como eliminar o mau hálito e até melhorar a digestão, por exemplo.

IMAGEM

• Gengibre: Vegetal nativo da Ásia, o gengibre é uma raiz tuberosa usada tanto na culinária quanto na medicina. A planta assume múltiplos benefícios terapêuticos, tem ação bactericida, é desintoxicante e ainda melhora o desempenho dos sistemas digestivo, respiratório e circulatório. O gengibre também é um reconhecido alimento termogênico, que pode ser capaz de acelerar o metabolismo e favorecer a queima de gordura corporal.

• Pimenta Preta: Estudos feitos recentemente têm comprovado que a Pimenta Preta é um grande agente terapêutico. Este ingrediente contempla um composto químico chamado “piperina”, que possui propriedades antibacterianas e pode ser utilizada para potencializar alguns medicamentos, como por exemplo, os voltados para artrite, doenças respiratórias e cardiovasculares. Além disso, se consumida com outras especiarias (como a Cúrcuma, por exemplo), pode realçar seus efeitos.

• Canela: A canela possui diversos nutrientes em sua composição, entre eles estão o cromo, que é responsável pela melhora da sensibilidade à insulina e ao controle glicêmico, beneficiando pessoas que possuem diabetes. Outro nutriente presente na especiaria são os Polifenóis, que agem melhorando a ação da insulina nas células, o que, consequentemente, contribui para a regularização dos níveis de glicose no sangue.

• Leite de Coco: O Leite de Coco é obtido pela trituração e prensagem da polpa do coco. Produto muito consumido na Ásia, China, Caribe e Brasil, é muito usado para fins medicinais, alimentícios e agroindustriais. Suas características organolépticas (Cor e Sabor) são dependentes do teor de óleo presente em seu fruto. É rico em gordura saturada boa, que é rapidamente digerida e transformada em energia. Contêm vitaminas, C, B.1, B.3, B.5 e B.6, sais minerais essenciais, como Cálcio, Selênio, Magnésio, Fósforo, Ferro, Potássio, Cobre, Zinco, Manganês e ainda proteína, Arginina e Ácido Láurico.

• Leite de Amêndoas – Os leites de oleaginosas são muito comuns entre os consumidores de leites vegetais. Dentre eles, um dos mais procurados é o leite de amêndoas. Possui poucas gorduras totais e é rico em gorduras benéficas, o que ajuda a controlar o colesterol e faz bem ao coração. Esse leite também contribui para o bom funcionamento do organismo – inclusive para pessoas que têm problema com prisão de ventre. É fonte de cálcio e magnésio.

Principais funções

• Antioxidante;
• Termogênico;
• Anti-inflamatório;
• Fonte de energia.

Benefícios

• Promove uma melhora do sistema digestivo;
• Antioxidante;
• Termogênico;
• Auxiliar em dietas de emagrecimento;
• Antinflamatória natural;
• Contribui para o aumento da imunidade;
• Promove uma melhora na qualidade do sono;
• Poder cicatrizante;
• Fonte de energia;
• Auxilia na redução dos níveis de colesterol;
• Promove saciedade;
• Queima de gordura;
• Desintoxicação.

Contraindicações

Gestantes, idosos e crianças que possuem necessidades nutricionais diferenciadas devem evitar seu consumo. Não pode ser utilizado para pacientes que possuam alergia a algum dos componentes da fórmula.

Sugestão de uso
• Recomenda-se dissolver 15g em 100 ml de água.
• Tomar no início da manhã.

Características:

• Sem Glúten;
• Sem açúcar;
• Sem Lactose;
• Sem corantes artificiais;
• Não transgênico;
• Vegano.